Angra dos Reis

Angra dos Reis ganha o título de Patrimônio Mundial pela UNESCOTempo de leitura: 2 min

O Brasil é um paraíso histórico, cultural e natural e isso se reflete em seu reconhecimento mundo afora. Dia 5 de julho de 2019 ficará marcado como o dia em que o país ganhou mais um lugar na lista de Patrimônios da Humanidade. O sítio Paraty e Ilha Grande — Cultura e Biodiversidade passa a integrar a lista do Patrimônio Mundial Misto da UNESCO após votação na 43ª sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, realizada em Baku, no Azerbaijão.

Paraty já havia realizado a candidatura em 2009, mas acabou não recebendo o título. Com isso, viu-se que a realização de uma candidatura composta pelas riquezas culturais da cidade mais as riquezas naturais de Ilha Grande, em Angra dos Reis, traria maiores chances para a conquista do título. E em 2019 a  conquista veio e torna-se ainda mais significativa por ter uma característica única nos sítios mistos da América Latina: é o primeiro da região a contar com uma cultura viva, além de ser o primeiro sítio misto do Brasil — reconhecido por suas riquezas naturais e culturais.

Ilha Grande - Patrimônio Mundial pela UNESCO

A região abrange uma média de 150 hectares de terra, que incluem o Parque Nacional da Serra da Bocaina, o Parque Estadual da Ilha Grande, a Reserva Biológica Estadual da Praia do Sul, a Área de Proteção Ambiental de Cairuçu, o Centro Histórico de Paraty e o Morro da Vila Velha.

O título é de grande significado econômico, já que traz os olhares de todos os cantos do mundo para estas regiões, fortalecendo os investimentos em infraestrutura e preservação histórica e ambiental. Além disso, fomenta o turismo, que já é um ponto forte da região, ganhando ainda mais potência com o reconhecimento da UNESCO

Nós, da Porto Bracuhy Imóveis, estamos orgulhosos de fazer parte de Angra dos Reis e presenciar de perto essa conquista das regiões de Ilha Grande e Paraty. Parabenizamos todos os envolvidos no levantamento de dados na construção do dossiê para a candidatura e, claro, pela conquista do título de Patrimônio Mundial da Humanidade.

Comente aqui